Ask @SitiodoGato:

Sitio do Gato
Latest answers

tenho uma gata dois gatos e uma cachorra todos castrados e vivem em harmonia a gata tem 8 anos e muito apegada comigo sempre atras dorme comigo masfaz duas semanas que nao quer ficar dentro de casa parece assustada e o couro das costas treme ai sai correndo pra fora

Pense se introduziu algum objecto novo em casa nas últimas duas semanas ou se mudou alguma coisa de sítio. Os animais não veem o mundo como nós e algumas mudanças, por mais pequenas que sejam, podem afectar os animais. Ela pode estar assustada com estas mudanças e por essa razão ter medo da casa.

View more

como faço para meu gato comer

Se o seu gato não come tem de o levar ao veterinário com urgência para descobrir qual a razão. Não há outra hipótese.

View more

Meu gatinho tem 1 ano e 9 meses. Eu o adotei quando ele tinha 3 meses e passava muito tempo em cima da árvore assustado e com medo. Então a veterinária resgatou, tratou e me entregou. Nunca foi agressivo. Ele se assusta até com o barulho do vento. O que eu posso fazer?

Há gatinhos que são assim, mesmo assustados. O melhor a fazer é respeitar a maneira como ele é e com calma ele habitua-se às diferentes situações. Tente não o expor a situações com muito stress. Leia este artigo para que possa melhor entender como poderá ajudar o seu gatinho http://sitiodogato.blogspot.pt/2012/09/acalme-os-medos-do-seu-gato-assustado.html

View more

O que posso fazer para que um gato aceite um novo gato na casa?

Esta pergunta pode ter respostas variadas. Se quer introduzir em casa um gato do mesmo sexo que o seu gato pode ser bastante mais complicado que introduzir um macho a uma fêmea e vice-versa. A idade dos gatos também é um factor muito importante a ter em conta. Um gato relativamente novo terá mais facilidade em aceitar outro do que um gato mais velho. Se ainda não tem o seu novo gato sugiro que escolha um do sexo oposto para evitar as rivalidades, mas tendo sempre em atenção a castração/esterilização de ambos. Se o seu gato já não for jovem pode sempre introduzir outro mas será mais difícil fazer com que se relacionem, mas não impossível de todo. Tenha em conta todas as características do seu gato quando for buscar o novo animal ao seu abrigo ou canil mais próximo. Faça perguntas sobre os animais e peça conselhos. As pessoas que lá trabalham/fazem voluntariado sabem sempre qual o melhor animal a adoptar para cada caso específico.
Quando levar o gato novo para casa deixe a curiosidade fluir naturalmente. Não o apresse a ele nem ao gato que já lá vive há mais tempo. Pouse a caixa transportadora no chão de porta fechada para que o seu gato possa cheirar, não interfira, mas fique sempre atenta para o caso de se dar algum movimento mais brusco. Deixe apenas passar uns minutos desta situação e logo de seguida abra a porta da transportadora. Não force o novo gato para fora dela. Deixe-o sair a seu ritmo. O mais importante para o bom relacionamento entre dois gatos desconhecidos é não interferir nem os apressar. Mas ATENÇÃO: embora não deva interferir deve SEMPRE estar perto dos animais a ver todos os seus movimentos. Se vir que um dos gatos começa a apresentar sinais de agressividade, pegue no outro gato e tire-o dali. Pode experimentar ir com ele para outra divisão da casa até que o gato agressivo se acalme. Há sempre um animal dominante em situações de tensão e é importante que seja sempre o dominado a ser retirado, caso contrário o animal que está na defensiva pode virar-se contra si. Apresentar dois animais nunca é situação fácil e pode levar algum tempo até que os dois se relacionem ou pelo menos se tolerem. Nos primeiros tempos ao sair de casa NUNCA deixe os dois animais sozinhos juntos. Mantenha-os em divisões separadas para evitar lutas mas certifique-se que ambos estão num ambiente com bastante espaço, conforto, água, comida e areão e claro, uma divisão onde não vá ter frio nem muito calor. Algo que também é MUITO IMPORTANTE para evitar conflitos é mesmo quando está em casa certificar-se que tem duas caixas de areão, duas taças de comida, duas taças de água e duas camas. Se os animais tiverem de lutar por partilhas pode tornar-se impossível fazer com que os dois convivam e por isso mesmo cada um deve ter as suas coisas.
Não se esqueça que a castração/esterilização é muito importante. Tenha as vacinas e desparatizações em dia e chipe os seus animais para maior segurança.
Boa sorte :)

View more

De uns meses para cá meu gato está agindo de forma bem estranha, às vezes mesmo sozinho fica com as orelhas para trás, rosna e fica arisco (nunca foi) tentando morder seu próprio rabo, como se alguém estivesse o puxando. Por vezes acaba nos mordendo ou nosso outro gato, qdo nos aproximamos.

A razão mais comum para isso acontecer é a introdução de um novo objecto na casa ou a mudança de um objecto de local ou divisão. Tente lembrar-se das últimas coisas introduzidas na sua casa desde que o seu gato começou a agir assim. Será que comprou um novo móvel? Um novo sofá? Ou até mesmo uma ventoinha ou um simples objecto de decoração? Ou mudou algo de local? Pode ter passado um móvel para outra divisão. Ande pela sua casa e faça uma lista de tudo o que há de novo ou que possa ter sido mudado de lugar.
O cérebro dos animais não funciona como o nosso. Eles são estimulados por coisas que o nosso cérebro já filtra naturalmente como sombras ou o bater de um pano ou um casaco em outro objecto derivado ao vento. Tente prestar atenção em que divisão da casa o gato mais age assim. Se possível, após esta análise, envie os resultados para o nosso ask.fm para que possamos ajudar mais aprofundadamente.
Aconselho também uma visita ao veterinário para que esta situação possa ser avaliada pois este tipo de comportamento pode resultar do inicio de alguma doença.

View more

Por que o meu gato odeia água?

Os gatos não odeiam água, apenas não foram concebidos para se molharem. Na verdade algumas espécies de gatos adoram água e são óptimos nadadores mas isto varia de raça para raça. A maioria das raças dos gatos tem pêlo que não isola bem a água o que os impede de se manterem quentes.

View more

O que devo fazer para ter um gato? como o devo educar?

Antes de mais é necessário saber se reúne as condições monetárias necessárias para o alimentar, o levar ao veterinário anualmente e sempre que ele estiver doente, o desparasitar e lhe providenciar tudo o que ele necessite. A educação vai depender da idade do gato, se o gato for bebé deverá ensiná-lo a usar a caixa de areia, isto é muito importante mas por norma os gatos aprendem instintivamente a usar o areão. Se for um gato adulto ele já terá os seus próprios hábitos e virá educado à sua maneira. Se o seu gato apresentar algum comportamento que não seja apropriado como fazer xixi fora do caixote, por exemplo, lembre-se da regra principal: Nunca grite nem bata ao seu gato. Os animais não aprendem com negatividade mas sim através de estímulos positivos. Tendo isto dito a resposta para este exemplo será: sempre que o seu gato usar o areão ofereça-lhe uma goluseima (há muitas goluseimas próprias para gatos à venda em qualquer supermercado) e assim com o passar do tempo o seu gato irá associar a experiência de usar o areão a algo positivo, neste caso a goluseima.

View more

About Sitio do Gato:

Perguntem tudo o que sempre quiseram saber sobre o vosso animal de estimação preferido

portugal