O que achou da idéia da Fantasy Flight em separar o corebook do RPG deles em 3 livros de 400 páginas? Eu entendo que é possível se obter maior imersão no cenário separando os livros, mas preferiria um livro único e mais geral em termos de regras...

Acho que foi uma estratégia bem esperta. Isso permite ter mais suplementos organizados por cada linha além de vender um beta, um starter e um corebook para cada cenário.
Agora no âmbito do jogo, ajudou porque eles tem a chance de apresentar e testar o sistema aos poucos, melhorando a cada novo livro. Talvez isso deixe mais caro para nós brazucas mas permite um produto de melhor qualidade.
Em todo caso, todos os livros possuem as mesmas regras básicas, então não há com o que se preocupar com isso. O que muda é apenas o conteúdo para as diferentes carreiras e as regras de "filosofia" de cada linha (obrigação, dever e moralidade).

View more