@yangelic

✶ ⠀Ruby

Ask @yangelic

Sort by:

LatestTop

-o dia estava bastante quente, oportunidade perfeita para andar pela praia, passadas algumas horas, Roxie se sentou sobre as grandes pedras, abraçando as pernas e observando as ondas batendo contra a margem-

Havia passado aquela manhã inteira com os cupidos, não por vontade própria é claro, mas Gabriel achava que seria uma boa oportunidade para Ruby descobrir sua verdadeira vocação; embora ela já estivesse ciente de qual era, ou do que gostaria que fosse, não seria arrogante a ponto de exclamar aos quatro ventos. De qualquer forma, seu trabalho atual como mensageira estava tão tedioso que em certo momento, estar alí não era tão desagradável.
— E quando você encontra as almas compatíveis é quando... Ruby? — Celeste, a chefe dos cupidos, encarava-a com repreensão após notar que havia explicado tudo em vão. — Está ao menos tentando entender?
E novamente o anjo apenas concordou, mas de fato sem escutar uma palavra. E, quando achou uma brecha, se afastou do grupo alado para se aventurar sozinha pela praia que haviam pousado; certamente levaria um grande sermão, mas valeria a pena.

View more

Por isso Belial é rebelde, traumas de família.

— Como anjo ele já era assim. — Comentou em tom de gracejo, prendendo a risada com uma leve mordida na parte interna dos lábios.

Related users

— Olá, Ruby.

dmiann_’s Profile PhotoDamian
O anjo virou-se repentinamente ao escutar uma voz masculina chamando-a, pelo susto acabou inalando pólen daquelas flores que antes observava, fechando os olhos com força ao espirrar.
— Desculpe. — Pediu se recuperando, não conseguindo conter uma risada pelo descuido. — Olá, senhor.
Liked by: Damian

— Ok, Ruby. — Acariciou a cabeça do rottweiler que parou ao seu lado, encarando o anjo. — Nada mal admito, a situação anda favorável para mim.

fallenangl’s Profile PhotoKesabel
— É um cão infernal? — Sequer pôde conter o sorriso, embora estivesse na presença de um possível inimigo, Ruby não sabia lidar com animais sem ser com imensa euforia.

@strangerthings95

yangelic’s Profile Photo✶ ⠀Ruby
O anjo sequer disfarçou a expressão de desentendimento, não via motivos para não estar alí aquela hora da noite, sua única preocupação eram os demônios e em momento algum sentiu a presença deles naquele parque; entretanto, sabia que os mortais possuíam diversos medo e levando em consideração que Max não fazia ideia de sua real identidade, era natural ter tal tipo de preocupação. Pensar dessa forma só a fez ter certeza de que sim, aquele era um humano gentil.
— Sou a Ruby. — Esticou a mão pequena e tocou-lhe em um cumprimento rápido. — Posso estar arriscando em perambular nesse horário mas sempre gostei de observar o céu estrelado, de sentir a brisa da noite. É extremamente agradável.
Liked by: Newt Scamander

— Fico feliz que esteja gostando, e mais ainda por poder ter essas experiências, nunca imaginei te encontrar por aqui, não com a superproteção sobre vocês anjos.

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— O meu caso é diferente, mas concordo que atualmente eles me dão certa liberdade. É bom poder escolher o que fazer, às vezes.
Liked by: Belial

E como poderia? Que eu saiba, você é proibida de tudo.

— Desconfiança e proteção possuem significados diferentes, senhor. Eles não me proíbem de chegar perto por segurança, mas por medo de traição.

— Mas a língua dele não cabe na boca. -Belial negou com a cabeça- E como você está? O que tem achado de estar aqui?

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Não posso negar que o mundo dos humanos me fascina, tantas culturas diferentes. Belial, as comidas são incríveis! — Exclamou não escondendo seu entusiasmo ao falar sobre suas experiências até então. — Conheci pessoas tão bondosas, estou gostando de explorar.

— Foi, aquele demônio abusado. Não nega as origens, igualzinho ao pai. -Belial riu breve- Eles estão ligados a mim, mesmo longe do inferno. Eu saberia mesmo que ele não contasse.

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Vou lembrar de agradecer a ele por isso mais tarde. — Riu, soltando-o lentamente.
Liked by: Belial

— Que bom. Vou muito bem. O que faz por aqui?

strangerthings95’s Profile PhotoMax.
Já era tarde da noite quando o anjo adentrou aquele parque, não havia muitas pessoas na volta mas o clima era agradável; a brisa beijava seu rosto delicado enquanto, ajoelhada em frente ao lago, alimentava os patos esfomeados com vegetais que comprara anteriormente. Tentou disfarçar o susto que levou ao escutar uma voz masculina próxima de si, mas não tardou em abrir um sorriso e o responder com gentileza; o humano citado parecia gentil.
— Estou apenas... Eles pareciam com fome. — Afastou alguns fios ruivos do rosto e levantou após jogar o último alimento para eles, retirando dos joelhos pedacinhos de grama que ficaram grudados.
Liked by: Max.

— Tecnincamente eu que vim até você. -Belial riu brevemente sem humor-

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Verdade. — Afastou o rosto para conseguir encarar o irmão. — Foi Roman quem falou onde eu estava?
Liked by: Belial

— Também não quero me afastar de você, irmã. -Belial soltou em tom baixo.- Mas não quero lhe causar problemas.

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Acho que já estou com problemas de qualquer jeito. — Embora tentasse dizer aquelas palavras com humor na voz, tinha certo receio do que iria acontecer.
Liked by: Belial

-Belial se surpreendeu com o gesto e retribuiu colocando os braços ao redor da irmã, apertando-a levemente em um abraço, recostando sua cabeça no topo da dela-

fallangel7’s Profile PhotoBelial
Esboçou um sorriso leve, mas imperceptível ao outro pela posição em que estavam; aproveitou o quanto pôde aquele abraço, para enfim se pronunciar:
— Não quero mais me afastar.
Liked by: Belial

— Assim como do "nosso lado", você tem a mim. -Belial percebeu o gesto da irmã e resolveu esticar a mão para tocar o polegar em sua bochecha levemente corada-

fallangel7’s Profile PhotoBelial
Aquele foi o estopim para ela que, deixando de lado todo seu autocontrole, envolveu os braços na cintura de Belial e encostou a cabeça no peito do mesmo; sentiu tanta a falta daquele toque, das brincadeiras, das risadas e de todos os outros momentos felizes que lembrava ter tido ao lado do irmão.
Liked by: Belial

— Eu sei e eu também desejo o seu bem. -Belial manteve a postura vendo a irmã se aproximar, quase sucumbindo ao momento.- Mas não consigo ver nada de bom para mim nesse lado de "vocês".

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Tem eu. — Ela sussurrou, parando próxima o suficiente para esticar a mão e toca-lo, mas não o fez; queria acreditar que Belial sentia sua falta tanto quanto ela sentia.
Liked by: Belial

— Eu também sou a sua família. E o que vocês acham caos para nós é apenas algo que Ele nós privou por seus caprichos medíocres. Ele não merece o título que tem. Mas não vou entrar nesses assuntos com você, eu sempre vou protegê-la, estando ao meu lado ou não, mas não vou lutar por Ele. Nunca.

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Belial!
Exclamou com as íris agora fixas em seu rosto; durante muitos séculos viu cidades sucumbindo aos pecados, mortais destruindo uns aos outros transformando suas almas reluzentes em um breu completo. Criaturas pura sofrendo as consequências do egoísmo infernal, lembranças dolorosas para todos os anjos.
— Não irei discutir isso com você, mas pelo menos tente enxergar nosso lado. — O encarou e, lentamente, começou a se aproximar. — Sabe que só quero seu bem.
Liked by: Max. Belial

— Eu não vejo traição alguma. Não ficaria naquele antro de loucos nem mais um instante, coisa que você também deveria fazer. E se fizer, estarei aqui de braços abertos esperando por você.

fallangel7’s Profile PhotoBelial
Apertou os punhos com o coração dolorido em seu peito, nada que dissesse iria mudar os pensamentos de seu irmão e, muito menos ele iria mudar os dela. Ambos tinham crenças diferentes e lutavam por líderes rivais; além de participarem das mesmas guerras, porém nunca protegendo um ao outro.
— Você segue alguém que comemora o caos e nós somos os loucos? — Riu sem humor. — Eu amo você, mas não posso me virar contra minha família.
Liked by: Max. Belial

— Nunca deixei de me importar, seus superiores me afastaram.

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Você foi embora, Belial, eu segurei sua mão e você simplesmente me deixou. — Soltou as palavras com um pesar, como se estivesse guardando aquilo para si por muito tempo. — Preferiu acreditar nas palavras de um traidor.
Liked by: Belial

— Estive. Fiquei sabendo que estaria aqui e vim ao seu encontro. -Belial manteve os olhos fixos na ruiva.-

fallangel7’s Profile PhotoBelial
— Pensei que não se importasse mais. — Desviou de seus olhos, como se apenas o simples ato de encara-lo lhe trouxesse lembranças dolorosas.
Liked by: Belial

Next

Language: English