Ask @RaitoFB:

Na verdade ter sumido dos fóruns, fez me ver o quão merda eu sou/era e consegui apontar todos os meus erros que com base em meu ideal de vida consideros relevantes. Além disso descobri que eu sou um antissocial e depressivo, sem personalidade, bipolarzão. Agora tenho que trabalhar em cima disso...

Você tem que ver até onde isso é algo a ser trabalhado e até onde é da sua personalidade mesmo.

View more

Bom dia. Meu namoro tem 5 anos e ultimamente qualquer manifestação de descontentamento, de desaprovação ou mesmo comentário negativo virou sinal de grosseria ou motivo para briga. Fica difícil expor minha opinião ou vontades sem criar um pequeno inferno momentâneo. O que fazer?

É complicado um relacionamento onde uma pessoa anula a outra. Acha que isso está acontecendo?

View more

Raito, meu casamento esta totalmente desgastado, não temos assunto quando estamos sozinhos, nossos interesses e sonhos são diferentes, o desânimo e o tédio cresce a cada dia...teria algum conselho para como eu posso reverter a situação?

Complicado pra um solteiro responder uma pergunta dessas. Não sei se é homem ou mulher por trás da pergunta, ficou indefinido.
Vou te contar a história de um amigo meu chamado Julio. Ele era casado há 5 anos, não tinha filhos e seu casamento estava em crise, frequentemente reclamava pra mim que a esposa, Bia, era muito negativa, o segurava de realizar seus sonhos, e isso o desgastava por não ver uma solução.
Ao mesmo tempo me contava de uma colega de trabalho, Anita: mãe solteira, bastante batalhadora, do tipo e que estudava, trabalhava e corria atrás do sonhos, que queria que sua esposa tivesse estas qualidades.
Aconselhei Julio a não divorciar, lhe disse que certamente sua esposa tinha qualidades que ele não percebia porque eram comuns de seu dia a dia e que ele só sentiria falta quando estivesse com outra mulher que não tivesse estas mesmas qualidades.
Passado um tempo, contrariando o meu conselho e o de muitas outras pessoas próximas, Julio se divorcia. Após uns 2 meses, começa a namorar com Anita. Passado um tempo aquela aura de mulher batalhadora que Julio via nela se desfaz, percebe-se agora está com uma mulher fria, egoísta, ruim de cama, orgulhosa.
Mas já era tarde demais, Bia já estava em outro relacionamento e Julio por ser muito carente, não tem a atitude de terminar com a atual namorada e esperar encontrar outra mulher que combine mais com ele.
Não sei como te aconselhar para reverter a situação, sugiro que peça a Deus pra te dar sabedoria e que perceba as qualidades da pessoa que está junto de você agora, aquelas que você não percebe porque são tão comuns que você acha que todas as pessoas a tem, mas que irá sentir falta caso essa pessoa se for.

View more

Bom dia Raito. Parabéns pelo trabalho que vem fazendo no FB. Uma pergunta pra você: como você lida com o stress, ansiedade e pressão do dia-a-dia? Existe alguma técnica para não sofrer com isso? Percebo que o acumulo de probleminhas durante o dia tem deixado meu pavio meio curto. Um abraço!

Tim Laflour
Tim, obrigado! Estamos ajudando uns aos outros ali, felizes são os que refletem e aplicam as coisas que partilhamos.
Eu sou tranquilo, mas fico ansioso quando tenho que fazer algo que um erro meu representa um risco a outra pessoa, até hoje não sei lidar com isso, costumo ter insônia as vezes por causa disso.
A Bíblia tem vários versículos que nos ensinam que não há motivos para ansiedade, mas no meu caso, o pavio curto não é um dos efeitos.
Porém, uma coisa que me ajudou a ser mais compreensivo com as pessoas e ao mesmo tempo não vê-las como coitadinhas foi tentar perceber em qual nível de consciência eu me encontro e a pessoa que "acende o pavio" se encontra e qual a essência de sua índole, com isso você fica mais tolerante por entender que a pessoa não poderia ter agido diferente por uma limitação da própria consciência dela.

View more

raito mas o certo seria separação total de bens? a real diz assim pq hoje em dia complicado.Antigamente parcial de bens casais ficavam para vida toda...

Na Real isso é pacificado, mas eu não penso em casar nesse regime. Como cristão não casaria pensando em separar, seria uma decisão tomada consciente dos riscos, pronto a assumi-los.

View more

...com o "montinho" dela. É como se eu entrasse em uma sociedade com 70% e meu sócio com 30%, mas os lucros fossem 50/50. Tento separar bem essa questão financeira da sentimental pra escapar de ser feito de trouxa no futuro (quem sabé, né?). Como vc vê essa situação? O que faria? Um abraço

Eu tenho um jeito sistemático pra essas coisas, então não sei se sou uma boa referência.
Primeiro, não acho certo namorado ter patrimônio junto. Então, se você comprou o apartamento e ela um carro, antes de casar, cada um entra na relação com o que tem. O casamento em comunhão parcial de bens é o padrão, então não é algo que você tenha que se preocupar. Sua burrada (me desculpe a expressão) foi combinar essa coisas sem sentido de vender tudo e comprar algo juntos.
O segundo ponto, esse sentimento de que você entra com 70% e ela com 30%, praticamente todo casamento é assim e com as modernetes fica ainda pior. Se ela ganhasse mais que você, sem conhecê-la eu me arrisco a dizer que ela iria querer casar com SEPARAÇÃO DE BENS, porque é o que a maioria faz.
Como cristão, não casaria pensando em separação, ciente de todos os riscos, que vão além e as vezes é até pior que ser chifrado, porque NÃO EXISTE essa de casar e não ficar na mão do outro, pelo menos um pouco. Por exemplo, um homem com filho é muito menos livre do que um homem solteiro, não existe essa de casar e conservar todas as vantagens de ser solteiro, tem coisas boas e ruins nas duas condições.
Resumindo: Eu no seu caso, casaria com comunhão parcial de bens, largava de lado essa ideia de vender tudo e o que conquistar daí pra frente é dos dois.

View more

Next